Aléia dos Gênios e o Tertuliarium, em Foz do Iguaçu, Paraná (Foto do CEAEC).

A Conscienciologia é a ciência que estuda a consciência e suas diversas formas de manifestação. Consciência é a essência do que somos, o ego, a alma, o ser ou o self. ​A Conscienciologia considera em seus estudos todos os fenômenos e realidades em que vivemos, desde situações físicas (ex: o comportamento) até situações mais sutis (ex: a interação energética). Assim consegue-se entender, dominar e estabelecer técnicas aplicáveis à prática cotidiana visando maior saúde e bem-estar.

Ao longo da história, diversos grupos ligados a diferentes linhas de pensamento questionaram e buscaram entender a realidade existente além do mundo material ou físico. Nessa caminhada, grupos interessados em entender tal realidade oscilaram entre dois extremos: personalizar demais os estudos ou tentar anular completamente a influência do pesquisador.

O médico e pesquisador Waldo Vieira propôs a Conscienciologia, ciência que estuda a consciência de modo integral, considerando a existência de outros corpos (ou veículos de manifestação) além do soma, ou corpo físico.

Na Conscienciologia, o pesquisador é o cientista e, ao mesmo tempo, o objeto de estudo. Incentiva-se a autoexperimentação, inclusive parapsíquica, norteada pelo Princípio da Descrença. Ou seja, não acredite em nada, nem mesmo no que lhe disserem nos livros e cursos, valorize e busque suas próprias experiências. A ideia é substituir a crença no desconhecido pela experiência vivida. A vivência do fenômeno parapsíquico é autopersuasiva e esclarecedora. 

Através de exercícios práticos é possível começar a perceber a realidade energética, a exteriorização e absorção das energias pela vontade e, inclusive, alcançar a Projeção Consciente, também conhecida como Experiência Fora do Corpo.

Interagimos o tempo todo com energias do meio ambiente e das pessoas ao nosso redor. Quando se descobre essa realidade mais ampla, que vai além do corpo físico, é possível ter maior visão de conjunto e entender melhor a si mesmo. Nesse intuito, foi proposta a Consciencioterapia, especialidade da Conscienciologia dedicada à teoria e prática do tratamento de patologias físicas e energéticas abordadas de modo integral. A Consciencioterapia busca a promoção da Saúde Consciencial através da reeducação pessoal.

Paradigma consciencial é a Teoria-líder da Conscienciologia fundamentada na própria consciência. O paradigma aborda a consciência a partir das seguintes premissas básicas:

  • Holossomática: admite a existência do holossoma (holo + soma), ou seja, o conjunto de corpos ou veículos de manifestação da consciência formados pelo soma ou corpo físico; energossoma,o corpo das energias, também conhecido como holochacra; psicossoma ou corpo das emoções e mentalsoma, o corpo do discernimento.
  • Bioenergética: assume a existência e a aplicação lúcida das bioenergias através do energossoma (energo + soma: corpo energético formado pelo conjunto de chacras), levando em consideração as influências das energias imanentes e conscienciais muito além das percepções cerebrais registradas a partir dos sentidos físicos.
  • Multidimensionalidade: a consciência se manifesta em múltiplas dimensões e cada veículo se manifesta em uma dimensão. Portanto, através do domínio voluntário das projeções conscientes – experiências fora do corpo – projetor tem a oportunidade de comprovar essa realidade, pois está em contato direto com inúmeras dimensões e realidades não-físicas.
  • Serialidade: sustenta o princípio de que a consciência é multiexistencial e multimilenar, ou seja, a personalidade se submete à serialidade de existências ou múltiplas vidas humanas em série, intercalando com períodos chamados intermissivos, ou seja, entre as vidas humanas.
  • Cosmoética: tem por filosofia moral a cosmoética ou moral cósmica – um princípio mais amplo que a moral humana – que leva em consideração as múltiplas vidas, ou seja, as nossas múltiplas relações interpessoais nem sempre positivas; os diferentes veículos de manifestação, levando em consideração a qualidade dos nossos pensamentos, sentimentos e energia e suas repercussões.
  • Universalismo: o conjunto de ideias derivadas da universalidade das leis básicas da Natureza e do Universo, que através de todos os campos de pesquisa envolve o microuniverso das consciências, expandindo a partir dela para o Universo, onde estão todos imersos. Diante dessa premissa, perde o sentido do apego aos bairrismos, nacionalismos exacerbados, preconceitos de todos os tipos, fronteiras entre países.
  • Autexperimentação: embasa a pesquisa da consciência a partir da autexperimentação. A Projeciologia é considerada a parte prática, experimental, da Conscienciologia, pois o fenômeno da projeção consciente é a ferramenta mais importante para o estudo da consciência.
Compartilhe: